Sobre toda forma de poder

Hoje vamos ter Uma Conversa no canteiro de obras musical dos engenheiros do Havaii, contemplando os versos reversos e diversos de Humberto Gessinger em sua letra “Toda Forma de Poder”. Ouve aí para vacinar-se contra a manipulação da linguagem daqueles que dizem muito e nunca dizem nada.

Referência: Humberto Gessinger – Toda Forma de Poder
Despatrocinadores: Legião Urbana – Toda Forma de Poder

Sobre Radicalidade e Radicalismos

Que não te falte lucidez para descer às raízes das questões. Entenda que mudança de hábitos é flor que brota da mudança interior. Os Vícios se vendem em caixinhas nunca as virtudes. E tem mais, postura correta tem mais a ver com o jeito que se senta na cadeira do que se essa é do bar ou da igreja. Pra terminar, se teu chefe (ou líder espiritual) está te exigindo além do que você pode dar, na humildade e disciplina, chama para Uma Conversa e apresente suas razões.

Pré-produção: Domingos Zamagna (vídeo gentilmente compartilhado)

Sobre o Haiti (é aqui?)

Uma Conversa entre duas nações: Brasil e Haiti, traduzida na forma de poesia pela maior dupla da música brasileira das galáxias: Caetano Veloso e Gilberto Gil. Relembre fatos que nos unem: A erradicação dos povos originários, a exaustação dos recursos naturais pelo mercantilismo europeu, a presença da diáspora africana e como estas coisas interferem até hoje no destino da América. Ouve aí este episódio e, mais ainda, bota Haiti no repeat, porque é boa demais!

Referência: Caetano e Gil – Haiti (por Guilherme Weber)

Sobre Xibom Bombom

Uma Conversa serve pra tudo! Pra apreciar o cancioneiro popular, para discutir política e para fazer analogias econômicas. Sabia que tem gente que aposta na desvalorização, torce pela falência dos outros e lucra com isso? E se houvesse uma ação coordenada para valorizar quem está embaixo, prejudicando os especuladores que ficam cada vez mais ricos com a desgraça alheia? Ouve aí este “case de sucesso” de um short squeeze muito além do mercado financeiro.

Referência: Rogério Gaspar, Wesley Rangel e As Meninas – Xibom Bombom
Despatrocinador: Lulu Santos – Xibom Bombom

Sobre Brasil, pandemia e a banalidade do mal

Quando a ausência do bem não nos incomoda mais está na hora de termos Uma Conversa sobre os rumos da sociedade. Neste episódio vamos visitar o conceito de Hannah Arendt e ver como o mal tem se estabelecido no cotidiano nas instituições do Estado. Ouça agora para que seus valores éticos individuais não fiquem escondidos quando as organizações solicitarem comportamentos duvidosos!

Referência: Hannah Arendt – Eichmann em Jerusalém